quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Devemos Seguir os Dogmas das Igrejas ou a Vontade de Deus?


Em primeiro lugar, para aqueles que talvez não saibam, dogma é uma crença ou doutrina estabelecida de uma religião, ideologia ou outro tipo de organização, considerada um ponto fundamental e indiscutível de uma crença (wikipédia).
No mundo, existem diversos tipos de crenças, que podem ser transformar em religiões ou seitas,  muitas seguem a bíblia, e outras complementam os ensinamentos bíblicos com seus próprios dogmas.  Mas o que é certo, seguir o que está na lei de Deus, na lei dos homens ou nas leis dos dois? 

Muitos de nós temos esta dúvida, ainda mais hoje em dia, com tantos protestos sobre aborto, casamento gay e etc. Geralmente nós dizemos: "A minha religião não permite!" Mas porque a sua religião não permite? Você já procurou na bíblia (caso você seja cristão), se na bíblia está escrito que não é permitido? E se for ao contrário, se a sua religião lhe mandar fazer uma coisa, a qual a bíblia condena? Aí esta o problema.
Na verdade Jesus quando veio ao  mundo para cumprir a missão de trazer a palavra de Deus como cordeiro que foi sacrificado na cruz do calvário por nós, Ele não disse qual era a sua religião, Jesus pregou o amor, a humildade, misericórdia e o poder de Deus sobre nossas vidas. Mas, já li e ouvi muitos cristãos católicos dizendo que Jesus foi o percursor do catolicismo, e que esta era a religião de Jesus.
Na verdade, você poderá ler a bíblia toda, diversas vezes e em nenhum capítulo ou versículo, desde o Antigo Testamento, Novo Testamento e o Apocalipse, que você não encontrará nenhuma referência sobre "religião". A religião foi criada por nós seres humanos, e nisto alguns dogmas foram acrescentados, nos mandamentos que estão na bíblia que são na verdade mais de 600(seiscentos). 
Os dez mandamentos mais citados, são os que Moisés colocou na arca da aliança, mas Deus requer muito mais de nós. Em Oséias cap 4:6 diz: "O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento. Por que tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que se esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos."
Infelizmente, na história da civilização, temos visto seitas que ás vezes levam milhares de pessoas ao suicídio, ou simplesmente não cumprindo a vontade de Deus e sim de um homem. Cuidado, temos que ter sabedoria e discernimento, para que possamos distinguir o que é a vontade de Deus e o que são os dogmas criados pelos  homens.
Ela é a nossa fonte de sabedoria, da qual devemos beber  para vivermos em um mundo cheio de dogmas e com carência de conhecimento da palavra de Deus.
"Conhecereis a verdade, e verdade vos libertará!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário